Os 10 tipos de Inteligência



Você conhece os tipos de inteligência e quais delas você desenvolve mais?


Todos nós possuímos os diversos tipos de inteligência. Algumas nós desenvolvemos mais, outras bem aquém, e até, algumas que não desenvolvemos.

Mas a verdade é que podemos, propositalmente, estimular cada uma dessas competências ao longo da vida. 

Segundo Piaget, nossa inteligência é dinâmica, ou seja, possível amplificar nossas habilidades e adquirir habilidades novas. 

Este tema é de grande importância, seja para desenvolvimento individual e descoberta de aptidões, ou para professores que buscam uma prática pedagógica centrada no aprendiz, ou até mesmo, para pais e/ou tutores de crianças que se interessam em compreender mais, para cooperar de forma significativa com o desenvolvimento dos pequenos.

Vamos especificar a seguir, quais são os dez tipos de inteligência, como se apresentam nas pessoas e como elas podem ser estimuladas.


1. NATURALISTA

Tem encantamento pela natureza e animais, muita habilidade de análise e sensibilidade ao meio ambiente. 

Para incentivar essa competência: atividades ao ar livre, de investigação e exploração da natureza, convívio com animais; além de reflexões sobre aspectos sócio ambientais e de preservação do meio ambiente.


2. ESPACIAL

Tem a percepção aguçada para formas, cores, texturas. Usa o auxílio de imagens para indexar informações na memória. Mapas, rabiscos e diagramas são usados em anotações. Tem um perfil bastante visual.

Para encorajar essa competência: quebra-cabeças, atividades visuais e artísticas como escultura, pintura de desenhos.


3. MUSICAL

Tem destreza e sensibilidade para captar e discernir sons, compor ou tocar instrumentos musicais.  Além disso, a música e os sons geram muito impacto nas emoções.

Para incentivar essa competência: atividades que envolvam sons e que permita explorar a aptidão de produzir sons e música.


4. LÓGICO-MATEMÁTICA

Tem muita afinidade com números e padrões lógicos. Vai preferir a resolução de problemas que priorizam o raciocínio lógico. 

Para estimular essa competência: atividades com jogos onde há classificação e concorrência; e que utilizam padrões e sequências.


5. FINANCEIRA

Tem muita predisposição a formular estratégias financeiras e aptidão para manter a disciplina necessária para a efetivação delas. 

Para encorajar essa competência: atividades de hierarquização de prioridades, e que desenvolvam a habilidade de fazer escolhas situacionais, de acordo com inferências e estratégias. Brincar de super-heróis e brincadeiras de estratégia em grupo são excelentes para expandir essa aptidão.


6. INTERPESSOAL

Tem destreza nas relações com o outro e elevado nível de sociabilidade. Possui vocação de liderança e de educar. 

Para encorajar essa competência: atividades em equipe, como esportes e organização de eventos.


7. MOTORA

Tem excelente coordenação corporal, gosta de atividades físicas e comumente aprende através da ação. Reflexo aguçado e perfeição de movimentos. 

Para estimular essa competência: tarefas práticas, esportes, dança e todas as atividades que movimentam o corpo.


8. LINGUÍSTICA

Tem muita destreza em se expressar, tanto de forma oral quanto escrita, e de aprender idiomas estrangeiros. Transmite ideias com muita facilidade.

Para impulsionar essa competência: jogos que estimulam a produção de texto, atividades de escrita, debates e contação de histórias.


9. INTRAPESSOAL

Tem a tendência ao autoconhecimento e a reflexão. Esse perfil tem muita sensibilidade para analisar pessoas e situações, já que tende a ser introspectivo.

Para encorajar essa competência: atividades individuais que exijam concentração e análise, pesquisa e inferências, e que possam ser expressos através da escrita, como por exemplo, relatórios.


10. EXISTENCIAL

Tem a capacidade de questionar: a vida, as questões humanas, sociais, políticas, religiosas. Possui inclinação a seguir os próprios valores ou princípios mesmo que sejam diferentes da maioria. Esse perfil tende a ser bastante racional.

Para incentivar essa competência: atividades que provoquem indagações e o entendimento crítico. Tarefas que exijam análise da circunstância para posterior formação de opinião. Diálogos, mesa redonda, história, e diversidade de informações são cruciais para a composição desta inteligência.



E agora que você já conhece os tipos de inteligência e aprendeu como você pode desenvolve-las, compartilhe essas informações com seus amigos!

Kathy Moreno

Pedagoga, escritora, curiosa, apaixonada por boas comidas, boas histórias, viagens e por tudo que traga leveza à vida. 🍀

Postar um comentário

Seu comentário é muito bem vindo! 😁

Postagem Anterior Próxima Postagem